01/03/19

O que um bom curso livre de estética avançada deve ter

Você sabia que estamos em um ótimo momento para o mercado da estética? A hora ideal para quem tem interesse em começar a carreira também.

Sabe por quê? O Brasil já é o terceiro país com o maior mercado de estética no mundo, segundo um levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC) com o Instituto FSB Pesquisa.

E os executivos da área ainda esperam uma melhora nos resultados em 2019.

O segmento masculino também traz números positivos. Ele praticamente dobrou nos últimos cinco anos. Consequentemente, o faturamento de cosméticos para os homens aumentou 30%, segundo dados da Euromonitor Internacional.

Quem quer entrar nesse ramo deve se atualizar. Veja o que um bom curso livre de estética deve ter:

 

Educação continuada

EVOLUÇÃO: você tem planos de seguir evoluindo?

Existem diversos protocolos a se seguir para a realização eficaz e ética do atendimento aos pacientes. Existem também diversas tecnologias surgindo a cada dia.

Como você vai deve dominar tudo isso?

Com a educação continuada é possível ter sempre as técnicas de trabalho na ponta da língua. Isso porque você vai se manter atualizado, aprendendo novos materiais, novidades, e recursos sempre.

 

Teoria e prática

HANDS ON: conheça o modelo de curso com atendimento aos pacientes reais.

Mas antes de praticar, o aluno deve estar 100% preparado teoricamente, ou seja, ele precisa estar inteirado sobre:

– Como avaliar a situação do paciente;

– Por que de indicar cada procedimento;

– Quais procedimentos são complementares e como podem ser mesclados;

– Quais são as contraindicações;

– As composições dos produtos e como as substâncias agem no organismo;

– Entre outros.

Agora sim: mão à obra. Chegou o momento do hands on, esse é um grande diferencial que um curso livre pode ter, afinal capacita melhor o profissional.

Os alunos têm a oportunidade de atender pacientes modelo e colocar em prática tudo o que aprenderam.

O objetivo é deixá-los prontos e seguros para o mercado de trabalho, já que é imprescindível que ele esteja saiba lidar com casos reais.

 

Turmas reduzidas

ORGANIZAÇÃO: ensino com qualidade.

A vantagem de uma sala pequena é a proximidade que os alunos conseguem ter com os professores. Isso facilita o esclarecimento de dúvidas e a troca de experiências.

O aproveitamento é maior nesses casos, há menos distrações e interferências do que em uma sala lotada.

 

Carga horária ampliada

QUALIFICAÇÃO: obter conhecimento exige tempo e dedicação para serem absorvidas.

A carga horária ampliada oferece mais suporte e conteúdo para quem quer aprender de verdade. Desta forma os professores conseguem não só passar o conteúdo, mas compartilhar suas experiências e vivências.

 

Profissionais experientes, com vivência clínica

EXPERIÊNCIA: saiba o que acontece no dia a dia das clínicas.

Aprender com quem tem experiência, está atualizado e naturalizado com o que acontece na rotina de trabalho faz toda a diferença.

Isso porque o aluno terá a oportunidade de sair preparado para enfrentar os desafios. Ele se sentirá mais seguro quando deparar com situações ou problemas que deve solucionar, já que ele estará familiarizado com os casos e suas possíveis soluções.